terça-feira, 12 de janeiro de 2016

É do Tricolor! Lugano assina contrato e volta ao São Paulo após 10 anos

Zagueiro firmou vínculo até 30 de junho de 2017 com o clube do Morumbi, onde foi campeão mundial em 2005 e jogou pela última vez em agosto de 2006

Por São Paulo

Diego Lugano é do São Paulo! Depois de idas e vindas, negociações, veto e muita ansiedade, a torcida do Tricolor pode comemorar o retorno do ídolo após quase 10 anos – sua última partida foi em agosto de 2006. O zagueiro de 35 anos usou uma cláusula no contrato com o Cerro Porteño que o liberava para clubes com proposta de salário melhor e confirmou o retorno ao Morumbi. Campeão Mundial em 2005, ele será o novo xerife da zaga e foi aprovado pelo técnico Edgardo Bauza.

video

Após a rescisão de contrato com o Cerro Porteño, do Paraguai, o zagueiro uruguaio, ainda em Montevidéu, assinou o vínculo com o Tricolor até 30 de junho de 2017. O clube fez o anúncio para os sócios-torcedores em primeira mão através de um aplicativo de mensagens na noite desta segunda-feira – veja vídeo acima.

DIÓ5: São Paulo estampa Lugano sangrando em camisa para ídolo; veja
Dios (Deus, em espanhol), como é chamado pela torcida são-paulino, deve chegar ao Brasil nesta terça para, nos próximos dias, juntar-se ao elenco que já se prepara para a temporada desde o último dia 6.


Diego Lugano - São Paulo (Foto: André Lucas Almeida / Futura Press) 
Diego Lugano foi ovacionado pela torcida na despedida de Rogério Ceni (Foto: André Lucas Almeida/ Futura Press)
 
– O Diego volta para retomar uma história marcada por títulos e uma identificação tão forte que a distância só fez fortalecer nossos laços de afeto mútuo. Ele será uma peça importantíssima não só dentro das quatro linhas, já que sua experiência, caráter e dedicação também serão fundamentais para ajudar a formar um grupo vencedor e de muita fibra, que joga qualquer partida como final de campeonato – disse o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, ao site oficial do clube.

Com a aposentadoria de Rogério Ceni, Lugano também será o líder do elenco. No jogo de despedida do goleiro, no dia 11 de dezembro, o zagueiro foi ovacionado por mais de 60 mil são-paulinos no Morumbi e recebeu a tarja de capitão do Mito em um gesto simbólico.
E MAIS: "A torcida é responsável pela minha volta", diz zagueiro ao site do clube
Antes da virada do Ano Novo, o agente de Lugano, Juan Figer, viajou ao Uruguai para passar as festas e acertar os detalhes finais da transferência.

O perfil e o comportamento do uruguaio servem de exemplo para os outros jogadores, na avaliação do departamento de futebol. No fim do ano passado, a falta de comprometimento de alguns atletas foi alvo de crítica do presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, depois da goleada para o rival Corinthians, por 6 a 1.

Contratado pelo Cerro em julho, Lugano teve o nome vetado por Juan Carlos Osorio e Ataíde Gil Guerreiro no São Paulo. O colombiano chegou a viajar ao Paraguai para lhe explicar os motivos da decisão. No Ciclón, ele fez 16 partidas, cinco gols e participou da campanha do vice no Clausura (campeonato do Paraguai). Por infelicidade, o zagueiro fez um gol contra na final diante do Olimpia, com derrota por 2 a 1.

Depois do São Paulo, Lugano passou por Fenerbahçe, Paris Saint-Germain, Málaga, West Bromwich e BK Hacken antes de ir para o Cerro Porteño.

Por conta da transferência, São Paulo e Cerro devem disputar um amistoso no dia 20 de janeiro, em Assunção. O Tricolor bancará todas as despesas. Após o lateral-esquerdo chileno Mena e Lugano, o atacante Kieza, destaque do Bahia na última Série B, mas ligado ao Shanghai Shenxin, da China, pode ser o próximo a acertar com o Tricolor.


Rogério Ceni São Paulo lugano (Foto: Marcos Ribolli) 
Rogério Ceni passa tarja de capitão do São Paulo para Lugano em jogo festivo, observado por Cafu (Foto: Marcos

 Por


0 comentários: